Unesco defende património cultural da comunidade de Boa Morte‏ Fonte: trindade-sotom.blogspot.com/

Unesco defende património cultural da comunidade de Boa Morte‏

Escrito por  RNSTP Nov. 27, 2015

As manifestações culturais e a medicina tradicional da comunidade de Boa Morte poderão vir a desaparecer se não forem devidamente preservadas ou protegidas.

 

Há, no entanto, toda a necessidade de se incutir os  ensinamentos culturais e tradicionais nas escolas com vista proteger os valores culturais dessa comunidade e desenvolver uma política de conservação para a sua qualificação como o património da UNESCO.

Estas, foram as conclusões dos trabalhos referentes ao inventário de base comunitária, efectuado na passada segunda-feira, dia 23, na Casa da Cultura, aquando da abertura do “atelier de validação das fichas de inventário do património cultural e imaterial”.

O Consultor moçambicano, Alberto Cowara, defendeu que há a necessidade de se incutir estes ensinamentos culturais e medicinais, tradicionais nas escolas.

Cowara, disse ainda que o atelier consistia em fazer o levantamento daquilo que é considerado património cultural da referida comunidade.

Lucas Roque, Representante da UNESCO, garantiu que a ideia é aplicar as mesmas metodologias noutras comunidades e elaborar um plano de acção visando proteger o património cultural da Comunidade de Boa Morte.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Ligue-se a nós

Calendário das Publicações

« Abril 2017 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30