A Região Autónoma do Príncipe acolhe a partir desta segunda-feira, dia 17, o IV Congresso em Educação Ambiental de Países de Países e Comunidades de Língua Portuguesa e Galiza sob o slogan “A Terra é uma ilha: Educação Ambiental ou Barbárie”.

O Distrito de Mé-Zóchi, acolheu quarta-feira, dia 12, o acto central das celebrações alusivas ao Dia da Independência Nacional.

Dois discursos marcaram o ponto mais alto das actividades em Mé-Zóchi, e inseridas no quadro dos Festejos do 12 de Julho: o primeiro foi proferido por Isabel Domingos, Presidente da Câmara Distrital de Mé-Zóchi, e no qual destacou o contributo dos mezochianos para com a luta de libertação nacional e o desejo de ver São Tomé e Príncipe no carris do desenvolvimento sócio-económico, com a inclusão de todos, sem recear o medo, combatendo as injustiças, e o segundo e último, pelo Presidente da República, Evaristo Carvalho.

O Presidente da República, Evaristo Carvalho, felicitou na terça e quarta-feira, isto é, nos dias 4 e 5 de Julho, os seus homólogos, norte-americano e cabo-verdiano, Donald Trump e Jorge Carlos Fonseca, respectivamente, pelo Dia Nacional dos Estados Unidos da América e da República de Cabo Verde.

Arrancou ontem no País, a “Semana Nacional da Pesca”, sob lema “Pesca e Desenvolvimento Sustentável no Contexto de Crescimento Azul”, com o objectivo de divulgar e partilhar informações sobre o sector das pescas nacional numa perspectiva da economia azul, capaz de suprir as necessidades da geração actual sem comprometer gerações futuras através do conhecimento do meio marinho, da conservação dois habitats e da pesa sustentável.

 

A iniciativa é promovida pelo Ministério das Finanças, Comércio e Economia Azul e obedece a nova orientação do Governo Sãotomense a favor do crescimento azul e vai no sentido de fazer com que todas as políticas relativas à pesca e à aquacultura atribuam igual importância aos pilares económicos, social e ambiental do desenvolvimento sustentável ao nível sectorial.

Espera-se com esta iniciativa que se realiza, em parceria, com a Direcção das Pescas e com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) que sejam partilhadas experiências para o reforço de acções coordenadas entre as instituições na adopção e implementação de modelos de desenvolvimento económico sustentável e que a seja consciencializada a sociedade quanto a contribuição e importância do sector pesqueiro no desenvolvimento sócio-económico do País.

  1. Popular
  2. Favorito
  3. Comentado

Ligue-se a nós

Calendário das Publicações

« Julho 2017 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31            

Filtrar por temas